Edifício Sede


 

Predio-

 

Os edifícios inteligentes são, cada vez mais, uma necessidade das grandes cidades e escolha definitiva de suas empresas. Em 2009, a Teckma renovou completamente a sua sede, planejada para passar a clara mensagem de inovação e sustentabilidade a todos os colaboradores e visitantes.

O projeto e a construção do Edifício Sede Teckma contribuíram para um reposicionamento estratégico de nossa empresa em seus mercados de atuação. O objetivo de vincular inovação e sustentabilidade à racionalização de custos e recursos foi plenamente atingido.

Acreditamos que, dessa forma, a Teckma registrou sua colaboração para o desenvolvimento sustentável da indústria de construção civil e instalações do país. Estamos certos de que, num futuro muito próximo, todas as construções observarão estes princípios que aplicamos.

 

 

 

Este é um prédio inteligente e sustentável, que aproveita ao máximo cada recurso, evita o desperdício e gera qualidade de vida para todos nós.

A arquitetura inteligente e as tecnologias mais recentes necessitaram de um investimento inicial maior, se comparado à construção de um edifício com metodologias convencionais, mas todo investimento e esforço valem à pena quando temos a consciência de que é necessário economizar os recursos naturais e de que todos somos responsáveis pelo meio ambiente.

Projeto. O ponto de partida de qualquer edificação que pretende ser “inteligente” deve atentar para cinco pontos básicos: localização e entorno, materiais com baixo impacto ambiental, consumo de água, consumo de energia e qualidade do ambiente interno.

1 – Construção Industrializada. Todas as técnicas existentes de pré-fabricação e construção industrializada foram empregadas na construção deste edifício, gerando redução de mais de 50 toneladas de entulho.

2 – Zenitais. Com os zenitais no 2º andar, economizamos 1.200kw/h de energia elétrica por ano com a iluminação e a troca de ar natural.

3 – Sistema de Brises. Com a instalação de brises apenas na face norte do edifício, eliminamos a incidência de raios solares diretos, aumentando o conforto aos colaboradores e diminuindo em 10% a necessidade de ar condicionado e ainda garantimos que a iluminação natural fosse utilizada nas outras faces.

4 – Escadas. A escada foi projetada para ser de fácil acesso, com iluminação natural e com dimensões de fácil uso, para ser o principal meio de elevação, em detrimento ao uso dos elevadores.

5 – Piso Coorporativo. Nos pisos internos foi usado um material que imita madeira perfeitamente, mas não usa nenhuma árvore em sua composição.

6 – Automação Predial. Os sistemas principais de iluminação e ar condicionado são programados para ligar e desligar automaticamente, evitando desperdícios. Todas as informações de consumo são enviadas a uma central, onde são registrados os dados de consumo geral, para que possamos monitorar a eficiência das instalações e sempre melhorá-las.

7 – Vidros de Alto Desempenho. Os vidros da fachada são do tipo SUNGUARD. Utilizando o SILACOAT em camadas ultrafinas, eles são responsáveis por bloquear 65% do calor externo com uma excelente qualidade óptica. Com isso economizamos 40% nos gastos de energia com ar condicionado e mais 20% com o aproveitamento da luz natural. Neste edifício, isso representa uma economia de R$50 mil por ano.

8 – Estacionamento para Bicicletas. Com um espaço para estacionar bicicletas, no subsolo, incentivamos o uso delas entre nossos colaboradores.

9 – Água de Reuso. Um sistema de captação e filtragem de águas de chuva está instalado para abastecer um reservatório de 50m3 no subsolo. Apenas uma hora de chuva média fornece água para 10 dias de consumo dos WCs, irrigação e lavagens, e melhor, a custo zero!

10 – Paisagismo. Com o plantio de várias espécies de árvores brasileiras, tornamos o ambiente agradável a todos que colaboram conosco e ainda fornecemos a oportunidade às pessoas que convivem em nosso entorno de conhecerem espécies raras nas grandes cidades.

11 – Lâmpadas e Reatores de Última Geração. Nas áreas coorporativas estamos utilizando as lâmpadas tipo T5 de 28W e reatores com alto fator de rendimento, que são 20% mais eficientes que as lâmpadas fluorescentes comuns, isso gera economia de 30.000kw/h de energia elétrica por ano, além de a vida útil dessas lâmpadas ser o dobro das convencionais.

12 – Lâmpadas LED. Utilizando lâmpadas LED nos balizamentos, deixamos de gastar 20.000kw/h de energia elétrica por ano.

13 – Terraços. Para aumentar a área de sombreamento e trazer mais conforto aos usuários do edifício, foram projetados dois terraços na fachada sul.

14 – Proteção Térmica na Laje. Com a instalação de placas de poliestireno expandido na cobertura, impedimos que a radiação do calor da laje do último piso seja transferida para o interior do edifício, evitando aumento no consumo de energia elétrica para o resfriamento.

15 – Estrutura Metálica. Com a utilização de estrutura metálica na construção deste edifício, reduzimos em 4 meses a obra, evitamos o corte de mais de 50 árvores que forneceriam madeiras para as formas e ainda ganhamos um vão livre de 15 metros. Com este tipo de estrutura também reduzimos o peso da edificação, o que possibilita acrescer mais 3 andares com a mesma fundação.

16 – Ar Condicionado MPS. O ar condicionado utiliza o sistema MPS (Multi Power System), da LG, que reduz em 35% o consumo de energia elétrica.

Esta é a Teckma, sempre com Atitudes e Soluções Inteligentes
que agregam valor aos seus clientes e à sociedade.

 

Sustentabilidade